Não é nenhuma novidade. Não acabou de sair nem está ai a fazer as noites do Verão. Mas amadurecida que está a audição de This Is The Life, é uma boa altura para falar sobre o tema. Bem, sobre o álbum. O álbum é o tema (não confundir com muitos álbuns que andam por ai em que a expressão “o tema é o álbum” assenta que nem uma luva).

Amy MacDonald, 22 anos. Escocesa. Mais de 2.5 milhões de álbuns vendidos.

Amy MacDonald

Mais uma miúda engraçada a cantar de viola na mão. Sim, é miúda (apesar de não teenager como dizem para ai alguns), é engraçada e tem uma viola na mão mas tem também uma grande voz e, principalmente, uma capacidade de escrita (ela é autora ou co-autora de todas as musicas do álbum) invulgar, mais negra do que seria de esperar numa jovem. Bem, pelo menos numa jovem sem pretensões a emo ou a algo que tenha a ver com caveiras e afins…

This Is The Life é à sua maneira, um disco dramático. O ritmo que algumas músicas por vezes nos transmitem não deixará que todos o percebam à primeira mas rapidamente se identificará uma insatisfação, uma busca, uma agonia meio latente que, não dando para o fim do mundo nos dá a ideia de que ele pode estar perto e como tal, levar-nos a perguntar onde iremos dormir esta noite?

Para além disso, a cada audição que faço de This Is The Life não consigo evitar também de me questionar, como será a musica de Amy MacDonald daqui a uns anos…

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*