Sobre a situação do mau serviço prestado pelo Barclays na questão da fraude com o cartão de crédito há agora mais novidades. Infelizmente as noticias não chegam do Barclays Bank como deviam.

Vim a saber por portas e travessas que, a seguradora com que o Barclays Bank trabalha enviou no passado dia 26 de Junho para o Barclays Bank e ao cuidado de determinada pessoa, um cheque no valor das despesas feitas de forma fraudulenta com o meu cartão de crédito (excluindo a franquia do seguro).

Ainda que à data, a pessoa ao cuidado de quem foi enviado o cheque estivesse a trabalhar, ao que parece encontra-se agora de férias. Aparentemente, o tal cheque deve estar sobre uma qualquer secretária esperando pacientemente que a tal pessoa volte. E espero também eu pois se por um qualquer azar durante as férias a tal criatura arranja melhor emprego, corre o cheque o risco de por lá ficar a ganhar teias de aranha.

Uma vez mais o meu desagrado deve-se essencialmente ao facto de continuar sem ter qualquer informação oficial do Barclays Bank.

Acho vergonhoso que, uma situação apresentada como reclamação à agência e posteriormente como reclamação da agência à Provedoria do Cliente do Barclays Bank, continue ao fim de todo este tempo sem receber uma posição oficial do Barclays Bank exceptuando um e-mail “chapa 5” da Provedoria (numa tentativa absurda de manter níveis de serviço) e um comentário num dos meus artigos que me informa sobre a atenção que o Departamento de Relações Internacionais do Barclays Bank PLC irá dar ao tema mas que ao fim de 5 dias ainda não originou qualquer outra reação da instituição em causa.

O que é que será que o Barclays Bank ainda não entendeu em toda esta situação? De que estarão eles à espera?

O conteúdo deste artigo será enviado por e-mail para a Provedoria do Cliente do Barclays Bank assim como para o Sr. Pedro Barros do Departamento de Relações Internacionais do Barclays.

18 thoughts on “Mau serviço Barclays. Continua a piorar!

  1. È verdade, posso confirmar por ser cliente do Barclays.

    Já fui cliente de alguns Bancos, mas nunca vi nada como este.

    Simplesmente as coisas não funcionam.

    Se fizermos um simples pedido de adesão a qualquer serviço, bem podemos ficar à espera sentados.

    Temos que estar constantemente a telefonar para criar pressão para que activem os pedidos.

    Os funcionários na generalidade são poucos profissionais, não são organizados e têm discursos desadequados.

    Um, que foi meu gerente de conta, não o queria nem para vender bifanas, à porta de um estádio, não tem postura, não sabe falar, é mal educado, ainda por cima foi promovido a gerente do balcão onde trabalha que é o de Amadora.

    Não aconselho este banco a ninguém.

  2. Acho que ainda não falei com nenhum que fosse bem educado ao telefone.
    Sabe como posso reclamar contra estes senhores/as ?

    Abraço

  3. Boa tarde, tive a ler o seu artigo e sinceramente tenho uma situação ainda pior para expor. Eu não sou cliente da Barclays mas um familiar meu é e uma vez usou o meu telefone para ligar para eles, com o assunto de renegociação de uma divida, isto já à volta de um ano. No sábado passado dia 31 de Janeiro de 2015, ligam-me para mim à procura dela dizendo que o meu número estava referenciado como sua residência e eu disse que não era a residência do meu familiar mas que o iria contactar a dizer que querem falar com o mesmo, assim foi, o que eles queriam era que o dinheiro fosse depositado sempre ao mesmo dia, mas como o meu familiar não gostou de terem ligado para mim, visto que o meu número ela nunca o deu a eles, descompouso-os onde estes desligaram o telefone na cara e tudo. Hoje, dia 3 de Fevereiro de 2015, voltam-me a ligar à procura do meu familiar ao qual eu disse que parassem de me ligar porque eu nada tenho haver com os problemas dos outros, que é ilegal eles registarem os números na base de dados e que se me continuassem a ligar que teria de apresentar queixa nas autoridades competentes, ao qual o senhor me respondeu que enquanto não falassem com o meu familiar que me iriam ligar, e eu ai voltei a repetir que se o fizessem iria fazer queixa e que eu nada tenho haver com o que se passa, o senhor por fim me diz que “já vi que a má educação corre na familia” e desligou-me o telefone na cara.

    Como tal, liguei para o atendimento onde me dizem que é so assuntos com clientes e então pedi um número onde pudesse ligar a reclamar. Liguei e expliquei tudo de novo a senhora diz-me que a linha é so de reclamações para clientes, ai quase que explodi, porque eu expliquei tudo ao outro operador e este deu-me aquele número portanto tinham-me de ouvir e resolver a situação, ao qual a senhora, depois de me por em espera, me diz que o meu familiar tem de ir a uma agência atualizar os dados porque o meu número está referenciado como residencia do mesmo.

    Gostava de saber a vossa opiniao se realmente isto é digno de um banco e se eu fosse uma pessoa com dinheiro se me iriam tratar desta forma, pois uma pessoa de tal estatudo nunca iria ser tratada assim porque seguiriam logo para tribunal e o banco estaria em muitos maus lençois. Primeiro pelo péssimo atendimento e má educação dos mesmos e depois por guardarem informações ilegalmente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

*